Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

I’m back

Qual exterminador implacável voltei cheia de energia, nem por isso, tenho os sonos todos trocados, ter passado uma semana e 1 dia a levantar-me à hora que bem me apetecesse e ainda levar com a mudança de hora desregulou todo o meu organismo.

Mas tirando o sono, estou fantástica.

Até o meu PC me reservou uma surpresa, assim que o liguei o ecrã ficou com uma cor estranha, um verde acastanhado cor de azeite e depois de uns bons segundos a mensagem:

 

Atualizamos o seu PC

Todos os seus ficheiros estão exatamente onde os deixou

Vamos começar

 

Fiquei com a sensação que estava a receber uma mensagem de extraterrestres, mas quando vi o novo wallpaper que me escolheram sosseguei, colocaram-me uma linda menina a correr numa praia paradisíaca.

Precisamente o que me apetecia estar a fazer, talvez não a correr, mas antes estendida numa toalha. Porque é claro que eu estou sempre a pensar em férias.

 

Neste intervalo nada mudou, o mundo continua injusto, as notícias são deprimentes, haveria tanta coisa para comentar, mas o melhor mesmo é concentrar-me nas minhas coisas.

Nem com os doces da época as pessoas ficaram mais doces, a blogosfera do sapo continua a mesma coisa, já deu para perceber que continuam as azias de sempre e quem se levanta contra as injustiças, só é penalizado.

Neste tempo quase nem passei os olhos pelos blogs, nem pelo meu, nem pelos outros, por isso tenho leituras em atraso e, quase de certeza, não conseguirei ler tudo o que desejaria, paciência.

Espero ter finalmente tempo e paciência para fazer algumas alterações aqui ao estaminé, tenho muitas coisas prometidas e planeadas e pouco tempo para executar, a ver vamos.

E a vossa Páscoa foi docinha? Conseguiram manter a linha ou descarrilaram que nem um comboio desgovernado?

Entre pão-de-ló, pudim e chocolate, juro que não comi nem uma amêndoa. O que quer dizer que me portei bem. Na Páscoa o que importa é não comer amêndoas, certo?

Vamos esperar que ter aqui no trabalho uma caixa presente, cortesia de um fornecedor, cheia de amêndoas não altere este facto. 

41 comentários

Comentar post