Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Ora agora vamos ensinar os putos a surfar.





Nada contra a prática de Surf, aliás é uma modalidade queacho muito interessante e também concordo que seja promovida e integrada numplano que valorize a nossa costa, já que o mar é sem dúvida uma vantagemcompetitiva única de Portugal.
Posto isto incorporar surf nas escolas públicas parece-me umpouco utópico, a não ser que criem piscinas de ondas em todo o interior dopaís, ou em todas as localidades que fiquem a mais de 20 km da costa, não achoque seja muito produtivo obrigar crianças a fazerem mais de 20km parapraticarem uma atividade física, seja ela qual for.
Por isso espero que a eurodeputada Marisa Matiastenha um bom plano para conseguir implantar esta proposta no país inteiro.
Sugiro que se incluam nos planos curriculares aulas de surfno litoral e no interior (todo o Portugal a 20km da praia) se inclua emalternativa canoagem, rafting e escalada, afinal escalada é uma coisa muito útilpara vida é sempre bom saber que para subir é preciso sofrer e lutar.
Se quiser mesmo avançar com o surf em todo país e comopiscinas com ondas são caras, podem sempre colocar os professores a andar demota de água e lanchas rápidas a fazerem as ondas necessárias para a boaprática do surf.
Mas assim na minha modesta opinião, antes de colocarem os miúdosa praticar surf, estendam as aulas de natação a todos os alunos das escolasportuguesas, até porque deve ser arriscado aprender a surfar sem saber nadar.

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.