Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Posso tirar férias de mim?

Nos últimos dias tenho andado tão irritada que me canso a mim própria, estou sem paciência para aturar os meus próprios pensamentos.

Irrito-me com a mais pequena coisa e estou tão sensível que uma palavra mais rude é suficiente para me deixar com as lágrimas nos olhos.

Preciso de férias de mim e do mundo, mas como tirar férias de nós próprios? Eu conheço apenas duas formas, um truque e umas férias verdadeiras.

Ver uma série ou filme ou ler um livro é o meu modo standby, enquanto me emaranho nas vidas e nas histórias das personagens esqueço-me da minha, desligo os meus pensamentos e acompanho a história, fico absorvida pela trama e coloco de parte os problemas, às vezes é suficiente ver uma comédia de 20m outras é necessário fazer uma maratona de 3h.

Tirar realmente férias e de preferência longas é o meu botão de reset, mas apenas se sair de casa, férias passadas em casa não surtem qualquer efeito, têm mesmo um efeito contrário.

Umas boas férias longe de tudo são o que eu necessito para restaurar a paciência e a sanidade mental, quanto mais dias estou fora mais me afasto dos problemas, ganho nova clarividência, força e ânimo para lidar com as situações menos boas.

As férias, como os pequenos prazeres da vida, são o meu combustível, se pudesse não faria outra coisa na vida. As férias de este ano já estão marcadas, é tempo de planeá-las cuidadosamente porque da forma como ano se avizinha vou precisar de muitos resets.

102 comentários

Comentar post

Pág. 1/2