Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

A única razão para envelhecer

A única vantagem de envelhecer é poder dizer que já vivi mais anos conhecendo-te do que sem te conhecer.

Tenho imensa dificuldade em lidar com o passar do tempo, acho sempre que passa demasiado depressa, penso sempre que há ainda tanta coisa a fazer e que o tempo não chegará para tudo.

O amor é a única coisa que me reconforta o passar do tempo, partilhar os dias com alguém que amo é o que os torna doces, serenos e eternos.

A perfeição não existe, cheguei a pensar que teria a relação perfeita e quando alguma coisa falhava ficava frustrada, mas com a maturidade chega a sabedoria de saber distinguir a realidade dos sonhos, a vida do romance.

Os dias não são todos bons, não somos perfeitos, mas a nossa relação é perfeita na medida em que somos perfeitos um para o outro.

Envelhecer contigo é a minha única urgência de tempo, sempre quis saber como seria partilhar a vida, o tempo, os dias, as horas e os minutos com a minha alma gémea.

Sempre olhei para os casais idosos com um misto de admiração e curiosidade. Como terão chegado até aqui? Serão apenas companheiros ou serão ainda amantes? Serão confidentes ou trocam inconfidências? Acomodaram-se ou reinventaram-se?

Os grandes amores são sempre os impossíveis, os que terminam em tragédia, os que não chegam a passar pela monotonia dos dias, da rotina e do desgaste.

Existem também o foram felizes para sempre, mas ninguém escrutina os entretantos do agora até ao para sempre.

A grande prova ao amor é vive-lo todos os dias, sem tragédias, sem madrastas e bruxas más, é o amor comum entre pessoas comuns.

O amor não tem de ser destinado a grandes coisas para ser grande, não necessita de grandes provações para mostrar a sua força, é nos dias banais, na rotina sem encanto, no dia-a-dia sem festas, grandes eventos e acontecimentos que colocamos à prova a sua tenacidade, resiliência e permanência.

Quando passamos por um grande desgosto, problema ou tragédia o amor une-nos, todas as forças convergem para a união, para a interajuda, sabemos que juntos somos mais fortes e ficamos juntos.

É nos dias simples, sem grandes emoções, nos dias que se sucedem quase iguais uns aos outros que testamos o nosso amor, e é nesses dias que reside a felicidade, é nas coisas mais banais que somos felizes.

Não é preciso ir passear à beira-mar para dar as mãos, basta caminhar ao teu lado para darmos as mãos.

Não é preciso estar triste para dar um abraço apertado, basta querer sentir-te perto.

Não é preciso ter saudades para dar um beijo apaixonado, basta beijar-te.

Todos os dias são bons para amar e é nos dias simples que quero que o nosso amor se prove, se fortaleça, se reinvente e seja sempre novo, jovem e fresco.

Que passem muitos anos e que caminhemos sempre juntos, com a paixão de quem se conheceu ontem e com a cumplicidade de quem já viveu uma toda uma vida juntos.

O única razão para envelhecer é envelhecer ao teu lado.

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Psicogata 12.04.2016 14:21

    Eu também não aceito bem o envelhecimento, a única coisa que me dá alento é mesmo o amor.
    Odeio sentir que estou a ficar velha e pensar que o tempo escassa para tanto a fazer.
    Uma vida por mais longa que seja não chega para tudo.
  • Imagem de perfil

    abelhinhamaia 12.04.2016 14:22

    É verdade!! Por mais que a gente queira,nunca conseguimos fazer tudo o que queremos!! Infelizmente,essa é a mais pura das verdades!!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.