Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Constações #3 - Não beber Sangria ao almoço

Duas coisas que não combinam sangria e trabalho.

Evitem beber na hora de almoço se forem trabalhar a seguir.

Devidamente anotado para próximos almoços.

 

O trabalho pode ser muito chato mas também tem coisas boas, sair para almoçar com colegas para um almoço descontraído e divertido é uma delas, quatro mulheres, quatro departamentos diferentes, a mesma boa disposição.

A sangria ajudou, é verdade, mas o espírito e a descontração é que nos alimentaram verdadeiramente as gargalhadas.

Para o lanche temos croissants, impossível fazer dieta com estas três.

E é esta a minha vida. Para piorar ainda tenho um aniversário mais logo e promessas de mais festas nos próximos dias.

Daqui a nada estamos no Natal, mais vale regressar à dieta em Janeiro.

21 comentários

  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 09:18

    A sangria tem um problema que é nunca sabemos o que lá tem, se está forte ou não, na semana passada estive no mesmo local, bebi o mesmo, dois copos pequenos perfeitamente normal e saí de lá tal como entrei, ontem bebi a mesma quantidade e fiquei como dizes estranhamente alegre, eu e as minhas colegas.
    Claramente que fizeram a bebida de forma diferente.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 09:30

    A sangria é feita um pouco a olho as vezes tem mais frutas outras álcool. A vossa tarde deve ter sido bem alegre.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 09:32

    Foi, estávamos as 4 muito bem dispostas
    Mas entretanto começando a trabalhar o ânimo foi diminuindo.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 09:51

    Deviam ter pedido um jarro para o caminho. Assim, quando os níveis de boa disposição estivessem baixos era só beber mais um copo O álcool não deve ser a solução para a nossa felicidades, mas as vezes, sabe bem.

    P.s.: fala a pessoa que raramente bebe
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 10:00

    Eu só gosto de beber em situações sociais e não tenho por hábito beber muito, prefiro degustar a beber por beber.
    Apreciar um bom vinho com boa companhia é das coisas que mais gosto, com uns petiscos à mistura melhor ainda :)
    Nunca como solução para alegrar :) Mas como dizes às vezes sabe bem
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 10:07

    Eu também gosto de bebericar enquanto petisco algo É daqueles prazeres que não gostaria de abdicar. Por vezes, vamos jantar ou almoçar para o terraço e sabe tão bem aqueles momentos.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 10:15

    Se sabem, no verão o terraço, no inverno a lareira.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 10:18

    Não tenho uma lareira, mas tenho um forno daqueles antigos que nunca o usamos. É basicamente um objecto de decoração que ocupa parte da sala e não combina com nada (verde alface).
    Para nós a vista para a montanha, enroscados no sofá com o aquecimento ligado é um excelente programa.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 10:21

    Gostava de ver esse forno verde alface :)
    A vista também é importante e deves ter uma bem privilegiada pelas fotos que publicas.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 10:25

    O teu pedido é uma "ordem". Tens aqui o link para o nosso anúncio: http://www.newhome.ch/de/mieten/immobilien/wohnung/altbauwohnung/ort_glarus/5.5_zimmer/detail.aspx?pc=new&id=3MBM&liste=1
    Na primeira foto vês o dito forno antigo. Sem dúvida que tenho uma vista muito privilegiada e felizmente não a vou perder. Na cidade onde vamos morar tem várias montanhas e perto há um parque público com renas, corsas e veados.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 10:30

    O forno é giro mas esquece lá isso, a vista é que é fantástica :)
    Gosto das paredes em madeira branca e dos janelões, acho que não terás muita dificuldade em alugar, o apartamento é muito interessante e acolhedor :)
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 11:02

    Eu tinha essa ideia contudo os glarniences têm colocado a minha paciência em prova. Já me perguntaram duas vezes pela segunda casa-de-banho. Não valeu a pena descrever o apartamento e colocado uma planta que continuam a perguntar pela WC. A segunda é dizem que têm um sofá muito grande que não cabe na "nossa" sala. Estamos a falar de pessoas que estão a fazer contas à renda e aos custos do apartamento, mas mesmo assim conseguem ser esquisitos. Ontem quase que tive para mandar um casal pela janela.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 11:10

    Ahahahahah
    Imagino, deve ser cada cromo. Eu adoro pessoas que não têm como ser exigentes mas exigem as coisas mais absurdas.
    Infelizmente há algumas pessoas assim.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 11:21

    Eu estive na posição destas pessoas e percebo que é chato visitar apartamentos e apaixonarmos-nos logo pelo primeiro. Acontece que também não podemos exigir coisas que não existem ou não temos possibilidades das pagar. Se andas a fazer contas às despesas (renda, água, luz, tv) não podes dar-te ao luxo de querer uma segunda casa-de-banho ou quereres encaixar um sofá de três metros ou quando o compraram deveriam ter pensado nisso.
    Veem ai um rol de textos sobre este tema da mudança de apartamento. Vai ser um farto-te de rir.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 11:37

    Claro que não, tens de ser exigente na medida do que podes pagar.
    Estou a ver que teremos muita leitura agradável no teu blog nos próximos tempos :)
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 11:41

    No meu blogue tens sempre leituras agradáveis nos próximos tempos terás leituras que despertam o sorriso. Duvido que alguém fique serio com o "Ok, Ok". Esta semana apareceu-me uma senhora que só respondia "ok", duvido que tenha entendido uma palavra do que eu tenha dito.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 11:43

    Não foi minha intenção dizer o contrário, tu sabes que eu gosto sempre do teu blog :)
    De Ok em Ok ficou KO
    Curiosa para ler essas histórias.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 11:48

    Eu estava a meter-me contigo Esta senhora e a filha eram duas personagens que contado ninguém acredita. Faz-me alguma confusão uma pessoa querer se candidatar a um apartamento, mas não tem conhecimentos suficientes para preencher um formulário e/ou falar com outra pessoa. Posso não saber falar perfeitamente alemão, mas consigo fazer-me entender. É algo que nunca vou conseguir entender ou perceber.
  • Imagem de perfil

    Psicogata 19.08.2016 11:57

    É realmente estranho, podiam levar alguém para as ajudar, é que assim até correm o risco de serem enganadas.
  • Imagem de perfil

    Heidiland 19.08.2016 12:00

    Não! Tu não digas essas coisas muito alto, se não alguém te ouve. A nossa primeira visita foi de uma família de portugueses que veio a mãe, duas filhas e o genro. A casa era apenas para a mãe, namorado e filha. Imagina se me trouxessem um tradutor tinha o apartamento cheio e "vazio" ao mesmo tempo.
    Quanto menos pessoas a visitar o apartamento melhor, menos confusão e menos stress para nós e a Lucy.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.