Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Falta de ética, falta de maturidade e falta de exigência.

Os portugueses resumem-se a isto falta de ética, falta de maturidade e falta de exigência.

É raro ver alguém com a clarividência de Nuno Garoupa, que de uma forma simples, clara e inequívoca não só dá conta dos principais problemas do país como ainda apresenta soluções.

Todos os portugueses deveriam perder dez minutos ou vinte, para terem tempo de processar toda a informação, a ler esta entrevista.

 

Sintetizando os portugueses são pouco exigentes, têm pouca ética, são imaturos e resolvem os problemas com acusações de parte a parte, a culpa morre sempre só em Portugal e quando excecionalmente se culpa alguém, culpa-se apenas uma pessoa porque os outros não viram, não sabem e nem querem saber.

E nós enquanto povo assistimos passivamente este país a definhar, se é que poderemos dizer que definha, porque para definhar é preciso viver e este país já não está vivo desde a época dos Descobrimentos.

 

Façam este exercício:

- Quantas pessoas conhecem que não tentaram ludibriar alguma situação? Seja cometer uma fraude, seja passar à frente numa fila?

- Quantas pessoas conhecem que assumem prontamente os erros sem tentar culpar terceiros ou sem arranjar desculpas por mais parvas que pareçam?

- Quantas pessoas conhecem que têm a hombridade de se manterem íntegras quando uma ilegalidade lucrativa lhes é presenteada?

- Quantas pessoas conhecem que nunca tentaram dar a volta a algum sistema instituído?

- Quantas pessoas conhecem que nunca tenham cometido uma ilegalidade?

- Quantas pessoas conhecem que não tenham quebrado regras?

- Quantas pessoas conhecem que se dão como culpadas voluntariamente de alguma situação?

 

Somos um povo imaturo, enganador, dissimulado, com ética e moral desalinhadas, sem honra, brio, seriedade, coerência.

Falta-nos dignidade para exigir o que quer que seja e a verdade é que não somos exigentes.

Reclamamos quando isso significa pouco esforço, um desabafo no Facebook, uma conversa no café, um texto num blog, nada que nos dê muito trabalho.

Os cães ladram e a caravana passa e é vê-la passar enquanto assistimos aos jogos de futebol, aos reality shows, às novelas, aos filmes e às séries.

Enquanto nos sentamos nas esplanadas a beber cerveja e a comer amendoins ou tremoços, ou a beber gin que é mais chique e a petiscar pimentos padrón.

 

Votar hoje não que é Domingo e está bom tempo. Quem se lembrou de ir a votos logo hoje?

Votar hoje não que é Domingo e está a chover. Quem se lembrou de ir a votos logo hoje?

São todos iguais, nem vale a pena votar!

 

São todos iguais realmente, são todos iguais ao povo que os elege e ao que os deixa eleger.

Não se enganem os políticos são o reflexo da nossa sociedade e enquanto a sociedade não mudar eles continuarão a ser fiéis à sociedade que os produz.

 

7 comentários

  • Imagem de perfil

    Psicogata 06.06.2016 17:17

    É triste, mas é a verdade.
  • Imagem de perfil

    Bolinha de Pelo 06.06.2016 17:18

    Mesmo...infelizmente sim
  • Imagem de perfil

    Psicogata 06.06.2016 17:28

    Cabe a cada um de nós tentar mudar esta característica da nossa sociedade, se conseguirmos alertar pelo menos cada um mais uma pessoa pode ser que as coisas mudem lentamente.
  • Imagem de perfil

    Bolinha de Pelo 06.06.2016 17:31

    Sim...pode ser, mas acredito que muito lentamente....um processo muito longo para a mudança de certas mentalidades ou modos de vida...
  • Imagem de perfil

    Psicogata 06.06.2016 17:35

    Sim, infelizmente não será uma mudança rápida, há muita coisa a ser feita em termos de ética, esta mania do chico-espertismo ser visto como algo bom tem de acabar.
  • Imagem de perfil

    Bolinha de Pelo 06.06.2016 17:45

    É que é mesmo...um exemplo rápido...eu hoje fui à loja do cidadão em Marvila...nem imaginas a quantidade de pessoas que lá estavam com bebes ao colo só para terem prioridade...parecia uma creche...isto irrita.Acredito que 1 ou outra pessoa estivesse realmente com bebes por não ter onde os deixar, agora não acredito que aquela quantidade toda de gente não tivesse onde os deixar....eram uns 15 ou mais...juro.. e um homem com um puto de uns 5 anos de mão dada ainda discutiu porque o segurança disse que só tinham prioridade bebes de colo...
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.