Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Fogo-de-artifício regressa à Eurovisão

Do primeiro lugar para o último foi assim a trajetória de Portugal na Eurovisão, nem o facto de sermos o país anfitrião fez com que os júris e públicos dos diversos países dessem votos de simpatia a Portugal.

Não se pode dizer que tenha sido um choque, já estamos habituados a este cenário e a organização e apresentação do festival foi tão boa e elogiada que a música portuguesa a concurso foi relegada para segundo plano.

Seria a música tão má que merecesse ficar em último? Claro que não, a música até é bem melhor que a música vencedora, essa sim nem lugar deveria ter na final, mas o público é que manda e fez dela a vencedora.

 

O que correu mal a Cláudia e a Isaura?

A performance e a interpretação, não é preciso fogo-de-artifício mas é necessário dar corpo, volume, intensidade, cadência à música, O Jardim não soube cultivar as flores, faltou que fosse regado para florescer e captar a atenção, faltou a magia que a música Amar pelos Dois teve que fez com que chegasse a todos os corações, O Jardim bateu à porta mas não entrou e foi facilmente esquecido. A música é bonita, mas carece de intensidade e paixão para ser marcante.

 

Este ano a ausência de ecrãs fez com que os intérpretes tivessem performances diferentes do habitual, assistimos a um pouco de tudo desde uma apresentação teatral da Moldávia aos verdadeiros e fantásticos vídeo-clips do Chipre e da Suécia.

As músicas na sua generalidade não eram más, gostei de várias, o que não costuma acontecer, isso traduziu-se nos votos com uma votação imprópria para cardíacos, muito diferente da votação de 2017 onde os irmãos Sobral ganharam em todas as frentes.

 

Confesso que quando se começaram a alinhar os favoritos estava a torcer pela Suécia, quando a Suécia começou a perder terreno comecei a acreditar que a Áustria podia ser a grande vencedora, já quando só restavam dois concorrentes fiz figas pelo Chipre, uma vez que acho a canção de Israel horrível.

Ganhou Israel, que desilusão.

 

Não entendi os agradecimentos da cantora, diversidade? Mensagem? Não acho a música nem inclusiva, nem com uma mensagem forte, nem sequer pode ser considerada uma música feminista, quando recorre a tantos estereótipos, Barbie? A sério? Não havia necessidade.

A música até pode ser um hit, mas é completamente descartável, como tantas outras que já animaram os nossos verões e depois se esquecem sem deixarem saudades.

Nem a interpretação ou a voz de Netta fazem dela merecedora do microfone de cristal, a concorrente do Chipre, embora a música não fosse das melhores, teve uma interpretação fantástica onde demonstrou ter uma bela voz e uma energia ao nível de um artista de topo cantando enquanto executava uma complicada e milimétrica coreografia.

A vitória de Israel na minha opinião foi altamente injusta.

 

Não pude deixar de me lembrar ao longo do programa de Diogo Piçarra, em primeiro lugar porque acho que representaria muito melhor Portugal, em segundo lugar porque foram tantas, mas tantas as músicas que soavam familiares, não tive ainda tempo para fazer comparações mas que existiram muitas músicas demasiado inspiradas em outras não tenho dúvidas.

 

Quanto à suposta mensagem da música Toy, a música é mesmo isso um brinquedo para uma piada de muito mau gosto, têm dúvidas? Deixo-vos a tradução.

Brinquedo by Netta Barzilai

Ri, outch, hey, hm, lá
Ri, outch, hey, hm, lá
Ri, outch, hey, hm, lá

Ri, outch, hey, hm, lá
Ri, outch, hey, hm, lá
Ri, outch, hey, hm, lá

Olha para mim, sou uma criatura linda
Não me importo com a tua pregação moderna
Sejam bem-vindo meninos, barulho de mais, vou ensinar-lhes
Pám pám pá hu, turrám pám pá hu

Ei, acho que te esqueceste de como jogar
O meu urso de peluche está a fugir
A Barbie tem algo a dizer
Hey

Ei! O meu rei manda que me deixes em paz
Levo o meu Pikachu para casa
És estúpido, como o teu smartphone

Mulher Maravilha, nunca te esqueças
De que és divina e ele está prestes a arrepender-se
É um rapaz có-có-có-có, có-có-có-có
Có-có-có-có, có-có-có-có
Não sou o teu có-có-có-có, có-có-có-có

Não sou o teu brinquedo (o teu brinquedo, não)
Rapaz estúpido (rapaz estúpido)
Agora vou derrubar-te, fazer-te assistir
A dançar com as minhas bonecas ao ritmo do c...alho
Não sou o teu brinquedo (cululi, cululu)

Nã-nã-nã-não sou boneca
Nã-nã-nã-não sou boneca

(Cululi, cululu) Sinos de casamento a tocar
(Cululi, cululu) Homens do dinheiro bling-bling
Não me importo com o teu dinheiro, rapaz
Pám pám pá hu, turrám pám pá hu

Mulher Maravilha, nunca te esqueças
De que és divina e ele está prestes a arrepender-se
É um rapaz có-có-có-có, có-có-có-có
Có-có-có-có, có-có-có-có
Não sou o teu có-có-có-có, có-có-có-có

12 comentários

Comentar post