Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Intervalo

Acho que nunca necessitei tanto de férias como agora. A minha vida nos últimos meses tem sido uma montanha russa de emoções e complicações a nível pessoal combinadas com muito trabalho e stress.

A nível criativo sinto-me drenada, é cada vez mais difícil ter ideias, escrever textos, quer no blog, quer a nível profissional. Estes dias servirão para sair, espairecer, ver coisas novas, fotografar, ler, passear e descansar para ver se entro nos eixos.

Sinto-me a pairar, por vezes dou por mim a observar as conversar em que estou como se não estivesse a falar, a ter pensamentos sobre os momentos como se os estivesse a mirar de fora e não estivesse a vive-los.

É uma sensação estranha observar a minha vida como se fosse um filme, como se não fosse minha. Talvez porque a estou a forçar a ir por um caminho que tracei e ela teima em seguir o seu próprio rumo.

A vida é teimosa, mas não tanto como eu, se quero ir para uma direção é nessa direção que irei e nada, ninguém, nem a vida me poderá impedir de percorrer esse caminho.

O caminho é a felicidade e ela só depende de mim.

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.