Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Não, não é oficial que Guterres é o novo secretário-geral das Nações Unidas

Ontem estava a ver as notícias e mesmo estando desatenta não conseguia perceber o título em rodapé que dizia – António Guterres é o novo secretário-geral das Nações Unidas, sabia que só hoje decorria a votação oficial por isso achava o título pretensioso.

Hoje votação formal e António Guterres foi indicado por aclamação sucessor de Ban Ki-moon como secretário-geral das Nações Unidas.

Os títulos da imprensa não se fizeram esperar e em todo lado se lê a palavra oficial.

Sei que é altamente improvável, reitero, altamente improvável que António Guterres não seja o próximo secretário-geral da ONU, mas existe essa possibilidade, ainda que remota, é que para o “processo estar concluído, falta apenas a votação decisiva da Assembleia-Geral da ONU, que, por norma, ratifica o nome recomendado pelo Conselho de Segurança daquele órgão.” Pode ler-se no Notícias ao Minuto.

Falta apenas uma votação, só que é uma votação decisiva.

“Porém, a decisão final não será tomada amanhã. Essa caberá aos 193 países da Assembleia-Geral da ONU, que terão nas mãos a ratificação do nome de Guterres para o cargo de Secretário-Geral. Historicamente, esta é outra formalidade, uma vez que, até hoje, todos os candidatos recomendados pelos 15 países do Conselho de Segurança foram aprovados pela Assembleia-Geral da ONU.” Observador.

Mais vez refiro é altamente improvável, mas António Guterres é português e os portugueses costumam morrer na praia, eu sei que este ano Portugal até foi Campeão Europeu, mas foi contra todas as expetativas e não sendo favorito.

E festejar antes do tempo sempre deu azar, já não se lembram dos franceses?

E não se lembram de Passos Coelho que tendo ganho, não ganhou nada?

Não quero agoirar, mas um bocadinho de prudência não faria mal, além disso é mau jornalismo dizer que é oficial quando não é.

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Psicogata 06.10.2016 17:00

    É impressionante como o rigor foi abandonado.
  • Imagem de perfil

    Ana Rita 🌼 06.10.2016 17:18

    Por isso é que cada vez menos uma pessoa pode acreditar na imprensa.
    Ontem um comentador dizia " se os EUA e a Russia aprovam (Guterres) já está decidido" ... ainda não está mas, já está!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.