Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Não transbordes, navega.

Posta-Lingua-afiada-8 (2).jpg

 

 

Quando nos sentimos sobrecarregados, oprimidos, a transbordar é altura de parar, refletir, avaliar, estabelecer prioridades e expurgar, despejar, retirar os elementos que nos pesam, que nos puxam para baixo e nos soterram lentamente num sem fim de enleios, meandros e sinuosos labirintos que nos desviam do nosso caminho.

A vida está constantemente a surpreender-nos com atalhos e desvios, muitas vezes procuramos um atalho que acaba por ser um desvio e acabamos a andar para trás, a caminhar na direção oposta.

Não há nada pior do que perder o rumo, quando demasiadas situações nos desviam a atenção do mapa, deixamos o leme à deriva e o oceano é demasiado grande para navegarmos sem norte e o naufrágio é quase certo.

É preciso olhar para o barco que se afunda lentamente com o peso extra e retirar os apêndices, lançar borda fora tudo o que não é importante, todas as coisas supérfluas e vazias, os baús cheios de nada, as cordas e amarras ressequidas.

É altura de olhar para o mapa e traçar a melhor rota para o nosso destino, esquecer que existe uma âncora, içar novas velas, brancas, limpas e sem rasgões e velejar com a força da vontade, com a persistência de um capitão e um a sagacidade de um pirata.

Quando navegamos com a certeza do que queremos, sem amarras, sem peso extra, não há tempestade que nos faça naufragar, podemos atrasar a viagem, mas é certo que um dia chegaremos ao nosso porto seguro.

Aí descansamos, recuperamos forças, celebramos, regozijamos os nossos feitos, saboreamos a nossa conquista, mas apenas durante o tempo suficiente para prepararmos a próxima viagem, estabelecermos nova rota, nova aventura e partirmos novamente à conquista.

Porque a vida não é uma viagem só com um só ponto de partida e um só ponto de chegada, a vida é uma série de viagens e aventuras, a vida é uma odisseia.

8 comentários

  • Imagem de perfil

    Psicogata 25.05.2016 14:19

    É preciso descobrir para onde, esse é o dilema.
  • Imagem de perfil

    Moralez 25.05.2016 14:22

    Faz parte... temos de decidir juntos e encontrar o rumo...
  • Imagem de perfil

    Psicogata 25.05.2016 14:27

    Temos de encontrar um rumo e iniciar mais uma viagem.
  • Imagem de perfil

    Moralez 25.05.2016 14:35

    Vamos...
  • Imagem de perfil

    Psicogata 25.05.2016 14:37

    Se me disseres para onde. Não é só ir.
  • Imagem de perfil

    Moralez 25.05.2016 14:40

    Isso já sabemos! Para onde é que não!
  • Imagem de perfil

    Psicogata 25.05.2016 14:43

    Pois, essa a questão bilionária.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.