Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Língua Afiada

Politiquices # 3 – A indignação dos faqueiros

Os faqueiros estão muito indignados e as suas amigas baixelas também, então não é que agora os portugueses não querem que eles se apresentem no seu melhor aos convidados dos banquetes?

Dizem as contas que se gastaram 300 mil euros em copos, pratos e talheres nos últimos 6 meses, despesa repartida entre o Governo de Passos Coelho e o de António Costa.

O escândalo, o drama porque anda tanta gente a passar fome, é um despesismo, o país está em crise, o rol de indignações não para, só na notícia do Diário Económico existem 45 comentários.

Curiosamente no mesmo jornal na notícia que o Governo iria entrar com 700 milhões no Banif não existe um único comentário!

Na primeira operação em que o banco entra como acionista num banco com a esperança que este se salve não existe um único comentário, sou sincera só soube disto depois da falência do Banif.

700 milhões que apenas serviram para prolongar o inevitável que saírem do meu bolso e de todos os contribuintes.

E estão chateados com 300 mil euros em talheres, copos e pratos? Então não sabem que a cada festa, o mais certo é que se partam copos e pratos e que os talheres ganhem novos donos?

 

Manter o património, o protocolo e a classe fica caro toda a gente sabe, se não sabe deveria saber.

 

Será que alguém já fez conta às flores?

Nem quero imaginar o dinheiro que se gasta em flores? Já viram bem aqueles arranjos na Assembleia da República?

Fiz uma pesquisa assim por alto e vi uma parcela de 4.048,50 € da Universidade de Coimbra na Aquisição de flores naturais para ornamentação.

Outra da Camara Municipal de Oeiras de 15.000€ na aquisição de flores para diversos eventos.

Chamou-me também a atenção os 7.425,00 € que o Município de São João da Madeira gastou em bolbos de tulipas. Durante uns meses os habitantes devem ter pensado que teriam emigrado para a Holanda.

 

Isto admite-se? Tanta gente a passar fome e andam a gastar dinheiro em flores!? Uma coisa que morre.

Ao menos os talheres perduram por lá ou em casa dos comensais como brinde.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.