Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Língua Afiada

Sunshine Blogger Award

Sunshine-Blogger-Award (2).jpg

 

A minha querida Marquesa nomeou-me para mais um Sunshine Blogger Award, eu continuo à espera do prémio, não sei quem criou este desafio, mas é bom que esclareça onde andam os prémios.

As regras do desafio são simples: agradeçam a quem vos nomeou, respondam às questões, criem onze perguntas e desafiem onze bloggers.

Esclarecidos, vamos lá responder às perguntas de Sra. Dona Marquesa de Marvila que não é de bom-tom deixar a realeza à espera.

 

  1. O porquê de teres um blogue?

Às vezes nem eu sei, lembrei-me, comecei a escrever, na verdade tive outros blogs antes deste, mas nunca duraram muito, este acabou por se tornar um espaço de desabafo e por isso lá têm de me aturar.

 

  1. Qual a melhor cidade do mundo?

Porto! Mas há dúvidas?
Existem cidades maravilhosas, mas o Porto está-me no coração, aquece-me a alma mesmo em dias frios e por isso é a minha cidade de eleição.

 

  1. Qual o mais lindo: Leonardo Di Caprio ou Brad Pitt? (quem acha que eles são velhos - desprezo por vós - vá ver fotos deles em novos... mas não desmaiem, ok?, que eu quero a vossa resposta...)

Tantas perguntas que já me fizeram no blogue, tantas questões existenciais que me colocaram a pensar na vida e a pergunta mais difícil é esta: dizer quem é mais bonito o Brad ou o Leo? Pois, é complicado, mas no global acho que o Brad ganha, apesar do Leo ter um rosto lindíssimo, o Brad tem qualquer coisa especial.

 

  1. Qual o vosso(a) blogue favorito? (podem dizer dois, mas um tem de ser o meu, bale?)

O meu! Ahahahahah
Não tenho, gosto de muitos e vou acompanhando vários, inclusive o teu.

 

  1. A viagem que queres muito fazer?

Só uma? Gostava muito de conhecer o mundo inteiro.

 

  1. O que te faz feliz?
    Ver e fazer as pessoas que amo felizes.

 

7. O que te faz rir?
Muita coisa, desde momentos espontâneos de ternura a situações caricatas. O meu marido faz-me rir muito.

 

8. O que mais valorizas no outro elemento (pessoa) do teu relacionamento? (se estiverem confusos é o que mais valorizam no gajo ou gaja a quem dão, ou gostariam de dar, beijos na boca)

Amor, amizade, carinho, lealdade, sentido de humor, capacidade de diálogo e valores.

 

9 .Cenas que não suportas no comportamento das outras pessoas?

Pessoas a fazerem de sonsas, pessoas a tentarem fazer-me de parva ou a tentarem manipular-me, mentiras, arrogância, sobreva e inveja.

 

  1. Qual a história mais engraçada que já viveste?

Não faço ideia, perdoa-me ando um pouco esquecida.

 

  1. Noite ou dia? (e porquê?)

Tu gostas de perguntas difíceis! Gosto muito das duas coisas, gosto do dia de 24h em que há momentos para tudo.

 

E agora… não vou nomear ninguém, pois sou mesmo uma quebra correntes, mas quero na mesma o prémio!

 

Desafio das 50 perguntas

Uma pessoa lê o nome do desafio e fica logo em pânico, 50 perguntas!?

Mas como não quero que a minha querida Happy deixe de o ser, aqui estão as minhas respostas.

Obrigada pela nomeação, confesso que algumas questão deram que pensar.

 

1 - O que mais odeias em ti?

Isto começa logo a matar, odiar não sei se odeio porque é difícil odiar algo em nós, mas há muita coisa que gostaria de corrigir, sem dúvida que uma das que mais me causa problemas é não saber guardar para mim os meus pensamentos, já mudei bastante, mas não o suficiente. Gostava também de saber lidar melhor com a frustração, tenho tendência a desvalorizar, a esconder e depois forma-se uma bola de neve e nem sempre é bonito quando ela se transforma numa avalanche.

 

2 - Peso

Neste momento é uma questão que não me apoquenta, quando a bebé nascer logo verei como o meu corpo reage, mas não me sinto bem quando estou acima do peso.

 

3 - Se pudesses visitar qualquer lugar no mundo onde é que irias e por quê?

Não consigo responder a esta pergunta, depende dos dias, hoje talvez me apetecesse visitar as Maldivas e por lá ficar sem fazer nada.

 

4 - A última coisa que te fez chorar

Nem sei, por estes dias até um anúncio publicitário me faz ficar com as lágrimas nos olhos.

 

5 - Se pudesses voltar atrás no tempo, o que mudarias?

Mudaria muita coisa e no fim não mudaria nada, é impossível prever as consequências.

(Claro que recuava uma semana e acertava no Euromilhões!)

 

6 - Eu não vou morrer sem…

Isto é mesma coisa do nunca digas nunca, não podemos dizer isto, podemos morrer amanhã.

 

7 - Quanto tempo levas para ficar pronta para sair?

Depende para onde vou, posso demorar 10m ou 30m.

 

8 - Último lugar que estiveste

Portugal J Este ano não viajamos para fora do país.

 

9 - Comida favorita

Não tenho, aliás não tenho nada preferido, li algures que isso é coisa de criança e concordo, com tanta variedade lá se consegue escolher só um prato.

 

10 - Comida que não comes de forma alguma

Não gosto de alguns alimentos, mas cada vez mais me convenço que depende da forma como são confecionados, mas detesto fígado por exemplo.

 

11 - Música do momento

Shallow, aqui estou em sintonia com quem me nomeou.

 

12 - Vivo perdendo…

As horas, gostava de ser mais pontual.

 

13 - Uma frase…

Be happy!

 

14 - Último concerto a que foste

Não sei, mas acho que foi o da Cuca Roseta.

 

15 - Última mensagem no whatsapp

No sábado, a recusar um lanche… tinha outro compromisso.

 

16 - Última vez que te stressaste

Há pouco… Nem vale a pena falar.

 

17 - Tira uma selfie e mostra 

Pois, isso agora…

 

18 - Uma música com a palavra AMOR

All the love in the world by Dionne Warwick – não conhecem? Vão pesquisar e depois agradeçam.

 

19 - O que é feio, mas que tu achas bonito?

Nada, normalmente só acho feio ou considero feias atitudes e isso não muda.

 

20 - Mostra a última foto do teu instagram

É só seguir o link ali ao lado.

 

21 - Uma frase que a tua mãe diz sempre

Diz tantas que é difícil escolher só uma.

 

22 - Eu estou...

Feliz.

 

23 - Eu sou ...

Terrível, mas maravilhosa.

 

24 - Eu quero… 

Continuar a ser feliz.

 

25 - Ser amigo é...

Estar sempre presente e não apenas quando dá jeito.

 

26 - Quando morreres...

Estarei morta.

 

27 - Um livro

O Mundo de Sofia.

 

28 - Um filme

Antes do Amanhecer.

 

29 - Uma meta a cumprir este ano

Organizar tudo o que tenho para organizar.

 

30 - Queria ser uma formiga para…

Nunca mais sairíamos daqui, mas gostava muito de ser formiga ou mosca para ver a expressão de algumas pessoas em certos momentos.

 

31 - Calças ou vestidos?

As duas coisas, depende da ocasião.

 

32 - O que te faz feliz na TPM?

 Não me chatearem.

 

33 - Sê feliz...

Só assim valerá a pena viver.

 

34 - Queria ser...

Uma exploradora.

 

35 - Queria ter...

Muito dinheiro.

 

36 - Se eu fosse homem (mulher)...

Quereria ser mulher.

 

37 - Uma pessoa que tens/queres conhecer pessoalmente

Não sei, não consigo identificar apenas uma.

 

38 - Cerveja é…

boa no verão à conversa com os amigos.

 

39 - Na noite passada...

Vi um episódio de Casados de Fresco.

 

40 - Poderia ficar horas...

A ouvir música, a ler, a desenhar, a passear. 

 

41 - Uma careta…

Franzir o nariz.

 

42 - O teu lema

A vida é aquilo que fazemos dela.

 

43 - Morres de medo de...

não conseguir ajudar os meus.

 

44 - Darias tudo para...

viver para sempre e para que os meus vivessem comigo.

 

45 - O teu maior defeito que é uma grande qualidade

Teimosia.

 

46 - A tua maior qualidade que é um defeito

Teimosia.

 

47 - Uma blogger que tu admiras e 3 qualidades dela

Perguntas difíceis…

 

48 - Que horas são?

12:45  - Está na hora de almoço.

 

49 - 5 palavras com a letra V

Vida, Viajar, Verde, Veneza, Veleiro

 

50 - Indique 5 pessoas para essa TAG!

Pois, agora é que é complicado, nomear alguém para responder a 50 perguntas… Quem tiver vontade pode responder. Sou mesmo uma quebra correntes.

Marcas pagam a influenciadores para falarem mal da concorrência – Será só na cosmética?

A polémica estalou na comunidade de youtubers que promovem cosméticos, quando MarlenaStell publicou um vídeo a desmascarar a indústria de cosméticos e beleza e foi imediatamente apoiada por Kevin James Bennet, maquilhador profissional.

Foi precisamente Kevin James Bennet que afirmou ter acesso a propostas para uma review de um produto de 64 a 73 mil euros para dizer mal da concorrência.

Se o ambiente entre youtubers segundo Marlena Stell não é o melhor, a notícia que existem marcas a pagar para que influenciadores façam reviews negativos da concorrência eleva a polémica a outro nível.

 

Não é novidade que muitos influenciadores digitas que utilizam diversas plataformas de divulgação não identificam posts, fotos, vídeos que são patrocinados, na verdade há cada vez mais incerteza se o que estamos a ler ou a ver é uma opinião honesta e sincera ou se é um patrocínio, a situação piora quando as marcas definem o que deve ser escrito ou dito.

A publicidade tradicional está a ser substituída pela publicidade digital e pelos opinion makers, a questão é se podemos realmente confiar na opinião de um influenciador.

 

Pessoalmente prefiro blogs a vblogs, mas os canais de YouTube têm cada vez mais importância e mais audiência, se tem vindo a ser discutida a influência que esses canais têm nos mais novos, não há discussão sobre a sua influência nos adultos.

A questão que se coloca é simples, como podem os pais discernir sobre a influência que os youtubers exercem sobre os filhos se eles próprios têm dificuldade em discernir se são ou não influenciados e indo mais longe manipulados.

Este é um tema muito importante ao qual não tem sido dada a importância devida e sobre o qual há pouquíssima legislação que defenda o consumidor, sempre existiu publicidade enganosa, anúncios de produtos que prometem milagres e que na verdade não passam de banha da cobra, mas a situação atinge proporções perigosas quando influenciadores não aconselham somente produtos, mas estilos de vida, dietas, medicamentos e pior a desistência da medicina tradicional.

 

Esta semana foi anunciado que todos os portugueses vão poder, a partir de Janeiro, aceder de forma gratuita a plataformas digitais internacionais com informação clínica e cientificamente validada, uma iniciativa da Ordem dos Médicos e do Ministério da Saúde.

Esta iniciativa visa combater o “Dr. Google”, já que o motor de busca parece ter mais credibilidade que os médicos e comunidade científica, esta medida é um passo importantíssimo, mas não resolve o problema, porque infelizmente pior do que o “Dr. Google” é o “Dr. Facebook” onde os grupos fechados assumem uma importância desproporcional à sua validade, onde pessoas assumem posições radicais e fundamentalistas sobre tudo e onde pessoas com pouca cultura e instrução são facilmente influenciadas.

Quando vemos pessoas questionarem ordens e prescrições médicas em grupos e fóruns e as vemos receber indicações contrárias às dadas pelo médico, é sinal que estamos a enveredar por um caminho muito perigoso.

 

A grande questão é como controlar a situação, não podemos negar a liberdade de expressão às pessoas, o que podemos e devemos é responsabiliza-las pelas suas afirmações, especialmente os influenciadores que lucram com as suas “opiniões”, há uns anos foi possível responsabilizar as tabaqueiras, deverá ser possível responsabilizar os influenciadores e acima de tudo responsabilizar as marcas que os patrocinam.

O problema só será totalmente resolvido com educação e formação, mas as pessoas, especialmente as gerações mais novas, têm cada vez mais dificuldade em distinguir conteúdo de publicidade, pelo que será muito difícil educa-las nesse sentido.

 

É por isso necessária muita atenção ao nosso comportamento e ao comportamento dos mais novos, é preciso ler e ver com atenção os conteúdos que nos chegam e questionar sempre se é uma opinião sincera, sensata ou uma opinião paga. Muitas vezes basta conhecer o influenciador e a sua forma de expressão para detetar se são as suas palavras ou as palavras da marca.

Em resumo, não acreditem em tudo o que leem e ouvem, nem tudo o que reluz é ouro e no que toca à alimentação e saúde ouçam os especialistas, a medicina pode não ser perfeita, mas ainda é a melhor opção, até prova científica em contrário.